Dramatis Personæ (203): Eulália

Eulália sofre de uma raríssima condição, conhecida como daltonismo auditivo.

Assim como as pessoas daltônicas,  em diferentes níveis,  são incapazes de distinguir entre as cores, Eulália é insensível a certas variações de timbre. Não todas: sabe, por exemplo, distinguir o toque do fagote do de um oboé, e reconhecer o canto do curimango ou o da cotovia no meio de diversos outros pássaros.

Sua dificuldade é mesmo com vozes humanas. Para ela, o chamado de um amigo íntimo soa exatamente como o da mãe, de um vizinho ou de Elvis, estivesse Elvis vivo e a chamasse.

Durante anos os médicos examinaram Eulália, para no fim concluir que seu problema tem origem emocional. Para ela, todas as vozes alheias são de completos estranhos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s