Dramatis Personæ (179): Guilhermina

Um dia, desapareceu sem deixar vestígio algum além do bilhete mais breve de que foi capaz: “Fui”.

A família pediu a ajuda da polícia, de investigadores particulares, até de médiuns. Em vão. O paradeiro de Guilhermina era tão misterioso quanto as razões do seu desaparecimento.

Estas, porém, poderiam talvez ser conhecidas. Assim, o marido e os filhos buscaram de todas as formas reconstituir a cadeia de eventos e ideias que levaram a desaparecida a tomar sua decisão. Examinaram os livros da estante, o histórico de navegação, os gastos no cartão, violaram sua caixa de correio. Reconstituíram os últimos dias, semanas, meses até! da sua vida, os pratos que comeu, as conversas que travou, as coisas que jogou no lixo. Descobriram aspectos da personalidade de Guilhermina da qual jamais haviam desconfiado. Nada, porém,  que sugerisse seus motivos.

E tinha que haver um motivo, sustentavam. Mesmo afastando-se o determinismo absoluto, era evidente que nenhuma decisão humana – muito menos uma decisão de tamanha importância – era tomada num vácuo. Havia de existir uma sequência que conduzisse naturalmente àquele anticlimático “Fui”.

Foi a filha mais nova quem encerrou a busca. Não havia solução possível para o enigma, e portanto essa era a solução. Guilhermina, concluiu a moça, resolvera desaparecer exatamente porque não havia motivo.  Como um ato radical de livre-arbítrio.

“Qualquer investigação adicional será uma violência”, disse. E todos concordaram.

Anúncios

4 Respostas para “Dramatis Personæ (179): Guilhermina

  1. Sem motivos pra ir, sem motivos pra ficar… realmente deveria tentar. E foi-se. =}

  2. @_@
    Nao tinha visto por este prisma. hahahaha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s