Criptoetimologia (64): Vedete

A palavra, evidentemente, vem do francês. E sua origem remonta aos tempos áureos do vaudeville. Naquela época, os esquetes de teatro, números circenses e apresentações musicais eram intercalados com atrações mais curtas, geralmente de dança, chamadas em conjunto de variétés et danses. A sigla V.D. virou substantivo, védé, e as dançarinas que se apresentavam nesses interlúdios eram as védettes.

No Brasil, quando o teatro de revista se estabeleceu como gênero, os números de maior sucesso eram justamente os das dançarinas “vindas diretamente de Paris”, como anunciavam os promotores dos espetáculos. Nem sempre eram realmente francesas¹, mas todas eram védettes.


¹ Manon de la Roche, por exemplo, era na verdade polonesa. Não se sabe qual era o seu verdadeiro nome, e nem se ela o revelou aos seus admiradores, que incluíram vários poetas da Corte e pelo menos um primeiro-ministro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s