Postais do Exílio (109): O Aeroporto no Fim do Mundo

É o único aeroporto que não tem uma porta sequer para saída. E nem para entrada, é claro.

Quem nele desembarca nada pode fazer além de aguardar o próximo voo, em direção a qualquer outro lugar. , enquanto não chega a hora do embarque, aguardar no imenso saguão, entre uma cafeteria e uma filial da La Selva.

Os voos atrasam muito.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s