Bestiário (122): Beloquimera

Nasceu do cruzamento de um tanque com uma bomba. É, portanto, uma criatura além dos limites não apenas do possível mas até do imaginável.

Não porque seus pais sejam máquinas sem vida. Nem por serem de alguma forma incompatíveis. Mas porque, sendo ambos feitos apenas para a guerra, não são capazes de um ato de amor que pudesse gerar descendentes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s