Biblioteca de Babel (85): O Bestiário de Adão

Segundo o cabalista Simeão Blumen (1833-1902), ao nomear todos os animais, seguindo a ordem de Yhwh, Adão fez mais que isso. Ele também elaborou um longo discurso, que poderia ser reconstruído se soubéssemos a ordem exata em que lhe foram apresentados os nomes dos animais do campo e das aves do céu para que as nomeasse.

Esse discurso foi, na verdade, a primeira prece. Pois ao ouvir Adão nomear as criaturas, Deus percebeu que faltara criar a mulher.

Repetir os nomes de todas as criaturas na ordem certa é, segundo Blumen, uma fórmula infalível para obter o amor de uma mulher, ainda que ela sequer exista.

Anúncios

4 Respostas para “Biblioteca de Babel (85): O Bestiário de Adão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s