Postais do Exílio (97): Caverna Astronômica

No teto abobadado do seu imenso salão principal foram instaladas milhares de pequenas lâmpadas. A posição e a intensidade do brilho, astronomicamente corretas, reproduzem o céu como seria visto da superfície no céu de equinócio, caso a poluição luminosa das cidades vizinhas não tivesse ofuscado tantas estrelas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s