Folhinha (25): A Libertação dos Cães

Entre várias outras coisas, era proibido ter cães em Laburre. Os poucos que existiam eram clandestinos, criados em porões, sem poder latir.

A Revolução dos Latidos derrubou o regime ditatorial e acabou com a proibição. Por isso, em 19 de agosto, aniversário da tomada do poder, é celebrado o Dia da Libertação dos Cães. Todos levam seus animais para passear pelas ruas e, no fim da tarde, são servidos deliciosos pedaços de tutano aos presentes.

É costume também as pessoas usarem coleiras nesse dia. E conversar latindo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s