Dramatis Personæ (114): Os Utensílios

A imprensa demorou muito a entender Os Utensílios, se é que algum dia entendeu. Eles não eram um grupo de rock. Eles não eram um coletivo criativo. Eles não eram um partido político.

Eles não se encaixavam em nenhuma definição. Integrantes entravam e saíam do grupo, que mais de uma vez chegou a negar a própria existência. E mesmo assim, eles fizeram sucesso.

O povo entendeu Os Utensílios rapidamente, se é que algum dia precisou entender. Suas músicas faziam sucesso, sua arte era bem recebida, e na sua primeira tentativa eles se tornaram o primeiro grupo de pessoas a disputar um cargo eletivo – e se elegeram juntos prefeito da sua cidade.

Pretendem chegar à presidência.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s