Dramatis Personæ (103): Nadia

Todos os dias, de manhã, vai ao banco da praça, senta-se no banco próximo à estátua equestre do general e joga milho para os pombos.

Não é que goste de pombos. Sempre os detestou. Mas detesta ainda mais o general imortalizado em bronze. Foi o homem que matou seu pai, durante a repressão aos opositores da ditadura militar. Por isso, ela faz questão de atrair o máximo de pombos sobre a careca metálica e nefanda, na vingança que lhe restou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s