Postais do Exílio (59): Calânia

Uma velha fortaleza em Calânia, com suas masmorras e sombrios corredores subterrâneos, funcionou como prisão e cãmara de torturas durante a ditadura.

Nenhum dos antigos presos políticos fala sobre o que viveu lá. Mas existia na época uma lenda.

No mais fundo dos calabouços da prisão de Calânia havia um ponto onde quem adormecesse se veria imediatamente transportado a um mundo maravilhoso. Uma utopia mais perfeita que o sonho mais radical dos revolucionários capturados. E eles voltavam desse mundo com energias renovadas, prontos para enfrentar seus algozes.

Desde que a prisão foi desativada, passou a receber visitantes que tentam encontrar esse portal para a utopia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s