Postais do Exílio (53): Belvedere de Caona

O Belvedere foi construído muitos anos atrás, quando Caona ainda era um paraíso na terra. Através de suas paredes de vidro podiam-se ver as montanhas, os lagos, as praias, a arquitetura, a arte que encantavam os turistas.

Hoje, com a cidade inteira transformada numa imensa cloaca, o belvedere é a única coisa que restou daquele passado. As vidraças foram recobertas com painéis de fotos, para que o visitante, em vez de contemplar uma Caona degradada, possa vislumbrar o que se perdeu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s