Folhinha (19): Dia da Abundância

Mesmo depois de conquistados por Wiracocha e integrados ao império inca, inclusive adotando seu calendário, os nlutis mantiveram as suas tradições. Entre elas o Dia da Abundância, comemorado no último dia do mês equivalente ao nosso abril.

É preciso lembrar que os nlutis habitavam uma região pobre do altiplano, com terras pouco férteis e escassos recursos. Estavam habituados a uma existência frugal. Para piorar, impunham-se ainda maiores sacrifícios, guardando num silo a maior parte do que produziam durante todo o ano. Até chegar o Dia da Abundância.

Nesse dia, que antecedia o início da colheita, eles esbanjavam. Esvaziavam o depósito e fartavam-se de bolos, queijos, vinhos e carnes. Segundo os relatos que sobreviveram, neste dia o mais humilde dos nlutis tinha um banquete digno do próprio Inca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s