Arquivo do dia: domingo, 1/7/2012

Meninos, eu li (24)

Eu vou perder metade dos meus já poucos leitores. Mas a verdade é que finalmente fui ler O guia do mochileiro das galáxias (e mais o resto da série, O restaurante no fim do universo; A vida, o universo e tudo o mais; Até mais, e obrigado pelos peixes; e Praticamente inofensiva – todos em edição semidescartável da Arqueiro, 2010, comprados numa promoção no Dia da Toalha) e achei bem aquém do que eu esperava. Pode ter sido porque depois de tantos anos de cultura nerd eu já conhecia de segunda mão as melhores sacadas. Então, acabou ficando um gosto de piada requentada. Pior, piada esticada. Em vários momentos, a impressão que dá é de que Douglas Adams encheu linguiça para distribuir em cinco volumes o que caberia em no máximo dois. Talvez um e meio.Há capítulos inteiros que servem apenas para o autor mostrar como é imaginativo e engraçado – só que, ainda na metade do primeiro livro, a sua técnica básica de humor, de justapor alguma coisa épica, grandiosa, a outra trivial, banal, começa a se tornar previsível demais. Tanto é que o Guia já contém todos os temas e títulos dos quatro livros seguintes, que apenas os desenvolvem um pouco. Somente Obrigado pelos peixes retoma um pouco do frescor original.

Vilma Arêas é competente. É do ramo. Conhece a técnica do conto, e em especial do microconto. Isso fica bem claro nesse Trouxa frouxa (Companhia das Letras, 2000). As narrativas tem ritmo, tem graça, as palavras fluem redondas e as frases se encadeiam com precisão. Mas é só. Falta o principal, que é ter alguma coisa a dizer. Escrito em 2000, parece ter vindo de quatro ou cinco décadas antes, de uma literatura brasileira com um pé na psicologia e outro no realismo. Pouco inspirado, terra-a-terra, acaba esquecido logo depois da primeira leitura.

Quando vi na banca de revistas esse Assassin’s Creed: A queda (Panini, 2012) nem reparei que o personagem na capa estava carregando um rifle. Eu tinha visto algumas cenas do primeiro jogo da série e achava que era uma aventura medieval. Lendo o gibi é que fui entender que a trama envolve viagens no tempo, coisas assim. Então, tirando a parte do choque com a expectativa, achei a história (de Karl Kerschl, com arte de Cameron Stewart) interessante. Funciona direitinho dentro desse esquema de transmídia, revelando mais coisas para quem já era adepto e ao mesmo tempo funcionando como obra independente para quem não conhecia nada. Mas não foi boa o suficiente para me fisgar.

Gugleiros (92)

As melhores buscas entre os visitantes do Almanaque no mês de junho:

Sexta, 1 -adicionar aos inimigos para face
É o FacePunch. Uma rede social em que você só adiciona inimigos.

Sábado, 2 -pq as unhas e o cabelos nao para de crescer apos a morte
Se isso fosse verdade, haveria cabeleiras gigantescas brotando da terra onde Adão e Eva foram enterrados.

Domingo, 3 -quem fala muito de amor É porque nao sabe nada so fala de magoa
Verdade. Quem sabe de amor não perde tempo falando.

Segunda, 4 -pessoas tatuadas nao vao para o ceu
Bobagem. Até Jesus tinha aquela tatuagem de coração com foguinhos no peito.

Terça, 5 -palestras eventos letras 2008 rio de janeiro panfletos
Já passou.

Quarta, 6 -sonhar com penis significa
Significa.

Quinta, 7 -unhas de bichinhos faceis de fazer
Micróbio. É invisível a olho nu.

Sexta, 8 -homenagem honorifica in memoriam postuma honorifica
Pleonasmo redundante.

Sábado, 9 -metade de mim é preguiça e a outra é sono
Sai da internet e vai dormir.

Domingo, 10 -quantos insetos a dioneia come por dia?
Depende. Se você der uma picanha suculenta logo no café da manhã, ela não vai querer comer inseto nenhum.

Segunda, 11 -etimologicamente que significa encoxada en español
Influência do portunhol.

Terça, 12 -analize a cadeia alimentar a seguir alface larva
Cadeia curtinha. Alguém deve ter conseguido um habeas corpus alimentar.

Quarta, 13 -“deixe um comentário” alugar
Há lugar para isso na caixa de comentários. (Ui!)

Quinta, 14 -golfinhos falam?
“Até mais, e obrigado pelos peixes”.

Sexta, 15 -súplica de sara por um filho
“Deus, me dê um filho, e que ele não seja botafoguense”.

Sábado, 16 -qual o siguinificado do numero 7777
É igual a 7 vezes o número 1111.

Domingo, 17 -você de novo
Achou!

Segunda, 18 -mangá feminino pelado
Nunca vi mangá vestido.

Terça, 19 -fungos em trabalho
Tem uns processos que ficam mofando mesmo.

Quarta, 20 -o sequestro de malas
Ninguém paga o resgate.

Quinta, 21 -se um golfinho ficar preso em uma caverna cheia de agua pode morrer afogado? por que
Na verdade, ele morre de claustrofobia. Golfinhos são bem neuróticos.

Sexta, 22 -historias de ressaca
Essas histórias andam bebendo demais.

Sábado, 23 -qual é a indicação da folhinha do bálsamo para o organismo?
Serve para fazer vinagre balsamico. E aí usar na salada.

Domingo, 24 -七夕 イラスト
Saionara.

Segunda, 25 -sonhar com um buraco dentro da empresa
Ah, vai. Essa é fácil.

Terça, 26 -salgado joelho motivo do nome/em>
É porque o queijo e o presunto são dispostos em forma de meniscos.

Quarta, 27 -“figuras de linguagem” gemeos siameses
Eram gêmeas xipófagas, Metáfora e Símile. Unidas pelo significante.

Quinta, 28 -tigre de bengala expressão para denominar o que?
Designa tigre de bengala. Linguagem é uma coisa impressionante.

Sexta, 29 -meninos eu com 18
Ah, eu com 18… Era uma droga, ainda bem que passou.

Sábado, 30 -sonhei com uma aranha me picando pequena + biblia
Aranha era uma das 10 pragas do Egito, mas por erro de tradução saiu “gafanhoto”.


E as expressões mais procuradas do mês foram:

almanaque 76
tigre morto 12
dia do inimigo 12
tigre 11
largo do machado 9
o que é almanaque 8
sonhar com lacraia 6
leseira 6
unhasdebichinhos 6
chafariz 6